Festejos juninos animam fim de semana no Recife
28/06/2019 21:26 em São João 2020

As celebrações do Ciclo Junino continuam nesta terceira semana de programação do São João da Paz, promovido pela Prefeitura do Recife. No Sítio Trindade, principal polo da festa, artistas como Quinteto Violado, Genival Lacerda, Novinho da Paraíba, Santanna, Cesar Michiles & Transversal no Forró e o homenageado Nando Cordel se apresentam no palco principal e no espaço Sala de Reboco. Também no Sítio ocorrem as finais dos concursos de quadrilhas juninas adultas e infantojuvenis

 

Na Praça do Arsenal, os destaques são o Forró de PE e a segunda edição do Palco Frei Caneca FM, que apresenta homenagem aos 100 anos de Jackson do Pandeiro, projeto Reverbo e Zeca do Rolete. Cavalo marinho, Quinteto Violado, Beto Hortis e muito mais no Pátio de São Pedro

 

Casamento junino, caminhadas ecológicas e oficinas garantem a diversão nos equipamentos de educação ambiental da gestão municipal. Forró, figuras místicas e arquitetura barroca nos próximos roteiros do Olha! Recife

 

CULTURA

 

Final do Concurso de Quadrilhas e shows no Sítio Trindade

 

Nesta sexta-feira (28), após um rápido intervalo para os forrozeiros recobrarem o fôlego, as sanfonas voltam a resfolegar no Sítio Trindade, com apresentações no palco principal e na Sala de Reboco. Por lá, a festa para São Pedro só acaba no dia 30. Entre os artistas que seguirão animando a festa no palco principal do Sítio estão: Ivan Ferraz, Josildo Sá e Santanna, no dia 28; Terezinha do Acordeon, Salatiel Camarão, Maestro Forró & Fole Assoprado e Banda Fulô de Mandacaru, no dia 29; além de Família Salustiano e a Rabeca Encantada, Genival Lacerda e Novinho da Paraíba, no dia 30.

 

Na sala de reboco, o rala bucho será comandado por Trio Sanfona do Povo, Cesar Michiles & Transversal no Forró e Luiz Paixão, no dia 28; Banda Coruja e seus Tangarás, Ari de Arimatéa e Azulão, no dia 29; e Forró Flor de Lis, Luizinho Calixto e Ronaldo do Acordeon, no dia 30.

 

Nos dias 28, 29 e 30, o Sítio recebe ainda as finais dos concursos de quadrilhas juninas adultas e infantojuvenis, no Pavilhão das Quadrilhas.

 

SÍTIO TRINDADE

 

Palco principal

Dia 28

19h - Ivan Ferraz

20h20 - Josildo Sá

21h40 - Fabiana Azevedo de Meneses

23h - Santanna

 

Dia 29

 

19h - Terezinha do Acordeon

20h20 - Salatiel Camarão

21h40 - Maestro Forró & Fole Assoprado

23h - Banda Fulô de Mandacaru

 

Dia 30

 

19h - Família Salustiano e a Rabeca Encantada

21h40 - Genival Lacerda

23h - Novinho da Paraíba

 

Sala de reboco

 

Dia 28

 

18h – Trio Sanfona do Povo

19h – Cesar Michiles &Transversal no Forró

20h – Zé de Teté

21h10 – Luiz Paixão

22h20 – Banda Expresso do Recife

23h40 – Trio Magia do Sol

 

Dia 29

 

18h – Trio Toinho Vanderlei Pé de Serra

19h – Zelyto Madeira

20h – Banda Coruja e seus Tangarás

21h10 – Ari de Arimatéa

22h20 – Azulão

23h40 – Forrozão pra lá de Bom

 

Dia 30

 

18h – Forró Flor de Lis

19h – Banda Segnos

20h – Márcia Pequeno

21h10 – Luizinho Calixto

22h20 – Ronaldo do Acordeon

 

Pavilhão das quadrilhas

Dia 28

Final do 35º Concurso de Quadrilhas Juninas Adultos

 

20h - Raio de Sol

20h45 - Junina Traque

21h30 - Origem Nordestina

22h15 - Dona Matuta

23h - Evolução

23h45 - Lumiar

 

Dia 29

 

Final do 35º Concurso de Quadrilhas Juninas Adultos

 

20h - Traquejo

20h45 - Traque de Massa

21h30 - Renascer

22h15 - Tradição

23h - Zabumba

23h45 - Zé Matuto

 

Dia 30

 

Final do 17º Concurso de Quadrilhas Juninas Infantojuvenil

 

17h - Menezes na Roça

17h45 - Brincant’s Show

18h30 - Sapeca

19h15 - Raízes do Rosário

 

20h - Fusão

 

Festa da Frei Caneca e Forró de PE na Praça do Arsenal

 

Forró de PE

 

No sábado (28), forrozeiros de todas as regiões do estado voltam a se encontrar na Praça do Arsenal no espetáculo Forró de PE. A partir das 19h, vários artistas que beberam na fonte de Gonzaga celebram o forró em todos os seus sotaques.O espetáculo começa pela Região Metropolitana, que será representada pela Bandinha Junina Veneno e por Toinho do Baião. Depois deles, Zequinha dos Oito Baixos canta a Mata Sul e o Forró de Matulão desfila as tradições da Mata Norte. O Agreste será cantado pelo Trio Lagoa Grande, do Sítio Mocotó, localizado na cidade de Surubim. Do Sertão e da fartura e fertilidade cultural daquele povo resiliente, Joquinha Gonzaga será a representante.

 

O espetáculo será apresentado no encerramento do Desfile das Bandeiras Juninas.

 

Palco Frei Caneca tem Reverbo, Zeca do Rolete e homenagem a Jackson do Pandeiro

 

No sábado (29), às 19h, a Frei Caneca FM fará uma festa que vale por duas no Arsenal. Neste 2019, a emissora pública, ligada à Fundação de Cultura Cidade do Recife, comemora três anos desde que transmitiu programação experimental, em junho de 2016, e um ano com microfones abertos e programação própria, iniciada em 28 de junho de 2018.

 

A segunda edição do Palco Frei Caneca FM contará com shows dos pernambucanos do projeto Reverbo e do coquista Zeca do Rolete e com uma roda de samba em homenagem aos 100 anos de Jackson do Pandeiro.

 

Centenário de Jackson do Pandeiro

 

As apresentações começam pelo tributo aos 100 anos de nascimento do paraibano de Alagoa Grande, Jackson do Pandeiro, que teve sua carreira profissional iniciada no Recife, justamente em uma emissora de rádio. Mais conhecido por suas vertentes de coco e forró, a obra de samba de Jackson ainda é pouco visitada, mas foi dele a responsabilidade de introduzir a sanfona no samba. No espetáculo, um time de bambas do ritmo irá se reunir para reproduzir 13 canções do mestre como ‘A ordem é samba’, ‘Chiclete com banana’ e ‘Samba do Ziriguidum’, entre outras. No palco, músicos como o maestro Deneil Laranjeiras irão se unir às vozes de Lucinha Guerra, Nanau Nascimento e ao puxador de samba-enredo da Gigante do Samba, Jamelão que, ao lado de nomes como Rafa Almeida (Cordel do Fogo Encantado), Elias Paulino (Grupo Terra) e outros, irão percorrer a obra daquele inesquecível mestre, também conhecido como o Rei do Ritmo.

 

Reverbo pela primeira vez em palco aberto

 

Em seguida, o projeto Reverbo apresenta a inquieta e crescente cena autoral contemporânea, representada por Agda Moura, Almério, Gabi da Pele Preta, Isabela Moraes, Joana Terra, Jr Black, Juliano Holanda, Luiza Fitipaldi, Marcello Rangel e Vinícius Barros. Os compositores e intérpretes, revezam-se ao som de apenas um violão, tornando palpável o sentido de horizontalidade e troca ao consolidarem parcerias ao mesmo tempo em que executam suas produções individuais. Esta será a primeira vez que o projeto sai dos ambientes isolados de teatros e casas de shows para tocar na rua, em um espaço público.

 

Zeca do Rolete na pisada do coco

 

Para encerrar a noite, o público vai brincar na pisada do coco, com o mestre Zeca do Rolete. Com 75 anos e mais de 60 dedicados à cultura popular, o coquista irá apresentar músicas próprias e cocos do cancioneiro popular. Além de talento, Zeca leva ao palco carisma e simpatia. Registrado como José Galdino dos Santos, Zeca ganhou o nome artístico vendendo roletes de cana (cana-de-açúcar cortada em rodelas, espetadas em palitos) nas portas de escolas da cidade de Olinda, onde nasceu.

 

Procissão e muito forró em Brasília Teimosa

 

Neste sábado (29), em Brasília Teimosa, bairro fundado ao redor da Colônia de Pescadores Z1, a liturgia começa cedinho, já a partir das 6h, com uma salva de fogos de artifício, seguida de missa, proferida no palco montado em frente à sede da colônia, às 8h.

 

À tarde, a partir das 14h, os devotos saem em procissão, de frente da Capela de São Pedro, pelas ruas Comendador Moraes, Dagoberto Pires, Arabaiano, Badejo até o Iate Clube, de onde várias embarcações decoradas partem, carregando a imagem de São Pedro mar afora, para reverenciar o padroeiro dos pescadores em seus domínios, agradecendo e pedindo fartura para as próximas pescarias. As embarcações seguem até o Farol Velho Boca da Barra, no Porto do Recife.

 

No arraial montado pela Prefeitura do Recife em Brasília Teimosa, a festa para o santo começa às 17h, com o Coco de Mainha. A programação segue noite adentro, com shows de Sereias Teimosas, Trio Solado do Sax, Balé Deveras, Trio Xote Moleque, Quadrilha Junina Evolução, Felicidade Cordel, do homenageado do São João 2019, Nando Cordel, e de Michele Monteiro.

 

Programação de shows - Brasília Teimosa - Sábado (29)

 

17h – Coco de Mainha

17h30 – Sereias Teimosas

18h – Trio Solado do Sax

19h – Balé Deveras

20h – Trio Xote Moleque

21h – Quadrilha Junina Evolução

21h40 – Felicidade Cordel

22h50 – Nando Cordel

0h – Michele Monteiro

 

Cavalo marinho, Quinteto Violado e muito mais no Pátio de São Pedro

 

Também tem festa para o padroeiro dos pescadores longe do mar. No Pátio de São Pedro, as comemorações começam nesta sexta-feira (28). A partir das 17h, irão se apresentar o Cavalo Marinho Boi da Luz de Olinda, a Quadrilha Junina Matutinho Dançante, além de Isaar, Quinteto Violado celebrando centenário de Jackson do Pandeiro, Rogério Rangel e Irah Caldeira e Azulinho.

 

No sábado (29), auge da festa do padroeiro, o Coco Popular de Aliança, Roberto Cruz, Santanna, Maciel Melo, Em Canto e Poesia e Cristina Amaral garantem o arrasta pé.

 

Domingo (30), o Cavalo Marinho Boi Pintado e o Festejo Junino, a Quadrilha Junina Sapeca, Ronaldo Aboiador, Climério, Liv Moraes Alcymar Monteiro e Beto Hortis encerram a festa no Pátio.

 

PROGRAMAÇÃO PÁTIO DE SÃO PEDRO

 

Sexta - 28

 

17h – Cavalo Marinho Boi da Luz de Olinda

17h30 – Quadrilha Junina Matutinho Dançante

19h – Isaar

20h20 – Quinteto Violado – 100 anos de Jackson do Pandeiro

21h40 – Rogério Rangel

23h – Irah Caldeira

23h59 – Azulinho

 

Dia 29

 

18h – Coco Popular de Aliança

19h – Roberto Cruz

20h20 – Santanna o Cantador

21h40 – Maciel Melo

23h – Em Canto e Poesia

23h59 - Cristina Amaral

 

Dia 30

 

16h – Cavalo Marinho Boi Pintado e o Festejo Junino

16h30 – Quadrilha Junina Sapeca

17h – Coco Popular de Aliança

18h – Ronaldo Aboiador

19h – Climério

20h20 – Liv Moraes

21h40 – Alcymar Monteiro

23h – Beto Hortis

 

TURISMO E LAZER

 

Olha! Recife em sintonia com Ciclo Junino

 

O Ciclo Junino está chegando ao fim, mas ainda tem passeio do Olha! Recife dedicado ao período. O roteiro do sábado (29) tem saída às 18h do Museu Cais do Sertão, no bairro do Recife. Dentro do BRT, um trio de forró pé de serra está encarregado de animar os participantes, que serão levados ao Sítio Trindade.

 

Domingo (30) é dia de caminhada por locais históricos da cidade e, por isso, o grupo vai sair às 9h da Praça do Arsenal, também no bairro do Recife. No roteiro, a Rua do Bom Jesus, Avenida Rio Branco, a Ponte Maurício de Nassau, Rua Nova, Praça da República e Parque 13 de Maio, onde o passeio termina.

 

Os passeios são gratuitos e acompanhados por guias de turismo. É solicitado a cada participante a doação de pacotes de leite em pó, que serão doados ao Grupo de Apoio à Criança Carente com Câncer (GAC).

 

Serviço

 

Olha! Recife Especial BRT do Forró (Sábado)

Tema: São João

Dia: 29/06

Saída: 18h,

Saída: Cais do Sertão, no Bairro do Recife

 

Olha! Recife a pé (Domingo)

Tema: Deuses, monstros e alegorias.

Dia: 30/06

Hora: 9h

Saída: Praça do Arsenal, Bairro do Recife

 

MEIO AMBIENTE

 

A Prefeitura do Recife, por meio da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade (SMAS), preparou diversas atividades para toda a família nos equipamentos de educação ambiental. Quem escolher visitar o Jardim Botânico do Recife, na Zona Oeste, ou o Centro de Atendimento ao Turista (CAT Ambiental), na Zona Sul, poderá conferir e participar de oficinas, trilhas ecológicas, meditação e muito mais.

 

Econúcleo Jaqueira, Sábado (29)

 

9h – Contação de história e Oficina: Borboletando coisa e tal

10h – Trilha Selvagem + caça ao tesouro

11h - Em cena verde: “Roteiros de improviso com Astrogilda e Alcebíades

14h – Sarau Ambiental

14h - Vivência Ambiental com Capitão Natureza + Ribe do Capibaribe

16h - Do PET ao som: oficina de percussão com garrafa PET

 

Econúcleo Jaqueira, Domingo (30)

 

9h – Grupo de Meditação Sahaj Yoga

10h - Apresentação do Espaço sustentável com Cordel

11h - contação de histórias “Borboletanto coisa e Tal”

14h – Contação de história “Pedrinho e o Barco”

15h - Historias Cantaroladas

16h – O Casamento de Rosinha com seu noivo Reciclado

 

Econúcleo Jaqueira

 

Rua do Futuro, 959 - Jaqueira

De quinta a domingo, das 9h às 17h

Entrada gratuita

 

Jardim Botânico, Sábado (29)

 

9h - Caminhada Ecológica: Trilha Cega

10h - Faz de conto: contação de histórias em Cordel

11h – Oficina de mudas “Terra e Vida”

13h30 - Caminhada Ecológica “Na trilha da biodiversidade”

14h10 – Caça Palavra Ambiental

15h - O Meio que se conta: contação de história “As Aventuras de Pé de Pano”

 

Jardim Botânico, Domingo (30)

 

10h - Caminhada Ecológica “Trilha Cega”

14h30 - Oficina de mini hortas “viveiro de mudas”

15h10 – Cine ambiental: mostra de vídeo no econúcleo

 

Jardim Botânico do Recife

 

BR ­232, km 7,5 - Curado

De terça a domingo, das 9h às 15h30

Entrada: gratuita

 

CAT Ambiental, Domingo (30)

 

9h às 12h - Vivencia ambiental: Água viva

9h às 12h - Arte no Meio: Oficina de Origami

14 às 17h - Vivencia ambiental: Água viva

14 às 17h - Arte no Meio: Oficina de Origami

 

Centro de atendimento ao turista ambiental (CAT Ambiental)

Segundo Jardim - Boa Viagem

Terça a domingo, das 10h às 20h

Entrada gratuita

 

 

 

 

Fonte: PCR

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!